Passa já da hora o vosso despertar espiritual . . . Saiba que a tua verdadeira pátria é no mundo espiritual . . . Teu objetivo aqui é adquirir luzes e bênçãos para que possas iluminar teus caminhos quando deixares esta dimensão, ascender e não ficar em trevas neste mundo de ilusão . . .   Muita Paz Saúde Luz e Amor . . . meu irmão . . . minha irmã

quarta-feira, 25 de fevereiro de 2015

Capítulo XXI - Livro: Elucidário – pelo espírito de Paulo de Tarso através do médium: Diamantino Coelho Fernandes. Demolição de várias elevações geográficas - Nada acontece para o mal - As estrelas são mundos habitados como a Terra, que é também uma estrela - Servidores de Jesus na Terra: o que apenas terão que fazer



Como tem acontecido a outros planetas deste e de outros sistemas solares, a esfera terrena está para receber modificações de superfície que muito hão de contribuir para a melhoria da vida de seus habitantes humanos. Várias de suas maiores elevações geográficas serão como que demolidas e se transformarão em planícies férteis na produção de alimentos para a espécie humana. Isto acontecerá, como é óbvio, em conseqüência de causas profundas, cujos efeitos se manifestarão na superfície, atingindo naturalmente a quantos se encontrarem ou residirem no raio de ação dos acontecimentos.

Conhecendo-se de antemão que nos mundos de Deus nada acontece para o mal de quem quer que seja, está visto que o que vier a acontecer aos seres humanos por efeito dos acontecimentos em curso, só poderá resultar em grande bem e jamais em mal, porque as Forças Superiores jamais realizariam fosse o que fosse para o mal ou sofrimento dos filhos de Deus encarnados na Terra. O que muitas vezes chega a ser considerado por vós como um mal ou uma infelicidade, tem um aspecto oculto às vossas vistas que representa em verdade um grande bem. Podereis argumentar a propósito com a partida prematura de um chefe de família deixando aparentemente ao desamparo aqueles a cuja subsistência ele provia. Em fatos como este foram tomadas de antemão as providências necessárias por quem podia fazê-lo, para que a falta do chefe da família não passe do traumatismo moral peculiar a esses acontecimentos. Com a partida do chefe da família, as Forças Superiores se incumbem de orientar, inspirar e dirigir os que ficam ao desamparo que é apenas aparente, conduzindo cada um de per si ao caminho e objetivos que certamente não alcançariam na situação anterior. Se percorrerdes os olhos pela história universal ou se estudardes as vossas enciclopédias, lá encontrareis a biografia de homens que se tornaram grandes, sábios ou poderosos, cujos progenitores foram chamados de regresso ao plano espiritual quando aqueles homens, que tão alto se elevaram, eram ainda bem crianças. É que a mão da Providência Divina está presente em todos os lares e em todos os tempos, pronta a conduzir os filhos encarnados ao caminho e objetivos que devem atingir.

Assim pois, o que vier a acontecer aos viventes na esfera terrena, podeis estar certos disso, será exclusivamente para o bem de cada um, ainda que isso consista na perda do veículo físico em que estiverem encarnados. No Alto aonde serão conduzidos os que deixarem a Terra, há lugar e ocupação para todos os que partirem em conseqüência dos acontecimentos que se verificarem no solo terreno, e lá prosseguirão todos nas atividades que escolherem. Quanto aos que ficarem na Terra no prosseguimento de suas atividades, eles terão a acompanhá-los, guiá-los e protegê-los em todos os instantes, as Forças Superiores que dirigem a vida em todos os planos do Universo.

Pelo exposto se verifica que a vida não existe apenas para os Espíritos encarnados na Terra, mas para todos os seres que povoam quantos mundos habitados se encontram rolando continuamente no espaço infinito que mal divulgamos todos nós, onde apenas conseguimos observar a olho nu, como dizeis, aqueles pequeninos pontos luminosos que, no desconhecimento das respectivas denominações, costumamos chamar estrelas. Ficai sabendo porém, que em cada um daqueles pequenos pontos luminosos evoluem seres como vós, nascendo, crescendo, trabalhando e morrendo exatamente como vós outros, possuindo a grande maioria daquelas estrelas uma superfície muitas vezes maior que a da Terra. Para os habitantes de cada uma das estrelas que vedes brilhar a noite, refletindo para a Terra a luz que recebem do Sol, a Terra é uma pequena estrela, tão pequena, tão insignificante mesmo, que só muito dificilmente conseguem descobri-la por meio dos aparelhos telescópicos. Isto é em verdade o que constitui, a cadeia dos mundos visíveis e invisíveis a moverem-se continuamente com suas populações mais e menos adiantadas que as terrenas, todas, entretanto, em busca de um só e mesmo objetivo: progressos espirituais, traduzidos em luz, luz, e mais luz. E como a luz significa experiência, conhecimento, perfeição e progresso, podeis imaginar os quantos destes dons divinos se acumulam já em outras populações mais adiantadas do que vós.

E imaginarmos agora que ainda se encontram entre os viventes da hora presente na Terra, homens que se consideram grandes, poderosos, pela circunstância de, ou terem sido bafejados pela fortuna de bens terrenos, ou de terem sido ocasionalmente guiados a determinadas posições de mando sobre os seus semelhantes, mas se esqueceram de que isso tudo nada representa em relação a si mesmos, ao seu progresso espiritual, e que passada a fase brilhante em que vivem, voltarão, ou à planície em que viviam antes, ou partirão da Terra deixando em outras mãos a fortuna por eles construída, esses homens melhor fariam se apenas se considerassem simples instrumentos a serviço da Providência na Terra e se despissem de toda a roupagem que a ambição, o orgulho e a vaidade lhes vestiram.

Se os homens soubessem que sua ascensão aos postos de comando sobre os seus semelhantes constitui bem dura prova para si próprios, uma espécie de teste que lhes faltava para alcançarem novo degrau evolutivo, claro que nenhum deles se deixaria embriagar pelo fausto do Poder temporal a que foram conduzidos, mas apenas o exercendo com o pensamento no bem-estar e na felicidade dos seus contemporâneos. Isto, aliás, já tem sido posto em prática por muitos homens em várias épocas, conforme podereis verificar compulsando os fastos da história terrena. Neles encontrareis um bom número de governantes que muito se empenharam em cumprir a sua elevada missão com o pensamento permanentemente fixado em Jesus, dando conta diária dos seus atos e pedindo inspiração para os que tivessem de praticar. Esses homens eram em verdade Espíritos encarnados a serviço de Jesus na Terra, e muito realizaram no decorrer de suas vidas. Jesus necessita continuamente de homens assim revestidos deste espírito de bem servir, que se encontrem vivendo na planície da vida terrena como a grande maioria, quer estejam ocasionalmente desempenhando funções de mando, onde disporão de outros meios de melhor servir aos seus semelhantes, servindo ao mesmo tempo à causa do Senhor na Terra.

Para que isto se torne cada vez mais possível, para que novos elementos humanos possam surgir no meio terreno, desejosos e capazes de servir a Jesus, existe o recurso da oração e da meditação, sendo este o instante em que o Espírito encarnado encontra todas as facilidades de entrar em contato com o Senhor do Mundo, d’Ele recebendo a inspiração necessária ao cumprimento do que lhe compete realizar. Entrem, pois, todos os homens em contato diário, íntimo, sincero, com Jesus, o Senhor do Mundo, e ver-se-ão na plenitude de suas realizações terrenas para o bem da coletividade e engrandecimento de si mesmos. Este é o meio, o caminho, a maneira de todos os viventes humanos poderem dar fiel cumprimento na Terra ao programa que eles próprios elaboraram no Alto e se comprometeram a cumprir em sua presente passagem pelo solo terreno.

Nosso Senhor se preocupa dia e noite em descobrir no coração dos seus guiados terrenos a centelha indicativa do desejo de cada um se integrar no movimento por Ele próprio iniciado há dois mil anos em prol do espírito de fraternidade, de humildade e caridade para com o próximo, base e fundamento do progresso espiritual individual e coletivo. Esse movimento tem encontrado em todos os séculos decorridos desde a estada de Jesus na carne, adeptos em maior ou em menor número, mas demasiados insuficientes para produzir os resultados de há muito esperados e absolutamente necessários à evolução da humanidade atual.

Em seguida eu anunciarei a todos os meus estimados leitores uma determinação adotada recentemente pelo Senhor, com o objetivo de constituir na Terra um volumoso corpo de servidores diretos, com os quais o Senhor possa contar. Incumbiu-me então o Senhor Jesus de divulgar sua determinação através deste livro que vim especialmente escrever na Terra, cujo objetivo é precisamente plantar no coração dos meus leitores a semente que há de produzir os mais belos frutos para cada um de nós. É a seguinte, pois, a última determinação do Senhor Jesus, visando à constituição na Terra de um volumoso corpo de servidores seus, com quem o Senhor passará a comunicar-se em Espírito durante o sono do corpo e nas horas em que isso se faça necessário ao desempenho da respectiva tarefa. Determinou então o Senhor Jesus aos seus emissários junto aos encarnados, que seja prolongada pelo maior número de anos possíveis à vida terrena de todos os homens e mulheres que se constituírem efetivamente em seus servidores na Terra, prolongamento esse tão longo quanto possa interessar ao próprio irmão ou irmã encarnados.

Se, por conseguinte, você, leitor meu ou estimada leitora, desejarem prolongar à sua vontade a vida em que presentemente se encontram, creiam que isso depende exclusivamente de sua deliberação, segundo a determinação recente de Nosso Divino Salvador. Para que isso se verifique, eis o que apenas tereis de fazer:

 - adquirir o hábito de orar e meditar diariamente nas horas de deitar, para entrar em contato com Jesus Nosso Senhor;

- manter bem viva em vosso pensamento diário a idéia de que ingressastes no Corpo de Servidores de Jesus na Terra;

- irradiar pensamentos de amor, bondade e caridade a todos os seres encarnados, como se vossos irmãos consangüíneos fossem;

- procurar corrigir-vos o quanto possível de alguns atos ou práticas que a vosso próprio juízo possam diminuir-vos o mérito perante o Senhor Jesus;

- alimentar a idéia viva, firme, permanente, de que passastes a fazer parte do Corpo de Servidores de Jesus, e tratar de pôr em prática as idéias que vos forem inspiradas no sentido de contribuirdes para o engrandecimento dessa organização espiritual.

Apenas isto é o que têm a fazer os leitores que desejarem fazer parte da organização acima, já devidamente consolidada no Alto. Em troca receberão todos em luzes e bênçãos o salário a que fizerem jus, e mais o prolongamento de sua vida terrena até aos limites de sua própria vontade, com a conservação da saúde necessária ao prosseguimento de suas tarefas. Será pouco isto? Acredito sinceramente que não, e em troca de bem leve tarefa.

O ingresso de qualquer irmão ou irmã no Corpo de Servidores de Jesus representa a inscrição de seus nomes na organização já formada no plano espiritual, e a devida assistência que desde então lhes será prestada pelos mensageiros do Senhor como Guias e Protetores espirituais. Não é necessária nenhuma assembléia nem associação dos mesmos a reunir-se na Terra. Essa reunião se fará, sim, mas no Espaço durante as horas de sono com os habitantes de cada hemisfério, onde receberão todos os esclarecimentos que se fizerem necessários. Se os meus estimados leitores o desejarem, para poderem dispor de um ponto de referência no Alto, eu me coloco inteiramente à disposição de todos para os encaminhar ao Senhor, seja na qualidade de patrono desse Corpo de Servidores de Jesus, seja como o emissário do Senhor encarregado de o organizar na Terra. Assim, eu atenderei prontamente onde quer que algum de vós me chame em pensamento para encaminhar à presença do Senhor Jesus, a cujo serviço também aqui me encontro, e o farei com a mais viva alegria em meu coração.

Anotai então, estimados leitores, o título da organização espiritual à qual desejardes filiar-vos: Corpo de Servidores de Jesus, cuja filiação fareis simplesmente através da oração e meditação diárias.


Em recompensa tereis prolongado a vossa existência na Terra até aos limites de vossa própria vontade. E quando desejardes partir, é claro que a vossa recepção será aquela merecida pelos bons servidores de Jesus na Terra. Creio ter deixado bem claro o assunto que me incumbiu o Senhor de tratar neste capítulo, o que procurei fazer da maneira mais clara possível. O resto é convosco, e eu me coloco à vossa disposição desde o momento presente.