Passa já da hora o vosso despertar espiritual . . . Saiba que a tua verdadeira pátria é no mundo espiritual . . . Teu objetivo aqui é adquirir luzes e bênçãos para que possas iluminar teus caminhos quando deixares esta dimensão, ascender e não ficar em trevas neste mundo de ilusão . . .   Muita Paz Saúde Luz e Amor . . . meu irmão . . . minha irmã

sexta-feira, 18 de março de 2016

PREFÁCIO – Livro: Derradeira Chamada – pelo espírito do Irmão Thomé. Psicografado por Diamantino Coelho Fernandes.





O nosso estimado Irmão Thomé vem de concluir o seu segundo volume de conselhos aos nossos caros irmãos presentemente encarnados no mundo terreno, para cuja existência na carne tanto se empenharam junto aos respectivos Projetores espirituais, com o objetivo de concluírem nesta viagem à Terra o seu curso de aprendizado espiritual, já bastante demorado em não poucos deles.

O Irmão Thomé foi designado para essa tarefa por Nosso Senhor Jesus de Nazareth, por vários e importantes motivos, sendo o primeiro deles a sua incansável disposição de ajudar com seu esforço o progresso dos nossos estimados irmãos encarnados, atividade em que muito se tem distinguido desde longos anos ou talvez séculos, seja irradiando vibrações amorosas e conselhos espirituais sobre o ambiente terreno, seja mergulhando ele próprio na carne em várias existências por ele vividas em diversas regiões da Terra, sempre no desempenho de importantes missões que o Nosso Bom Jesus lhe confiou. De algumas dessas encarnações aqui deixou o Irmão Thomé extensa bibliografia, em que o pensamento fundamental tem sido invariavelmente o progresso moral dos seres humanos. Gostaria de poder citar alguns dos trabalhos deixados por esse radioso Espírito de Deus que é o nosso querido Thomé a que estou impedido de fazer em virtude de recomendação sua que não posso deixar de cumprir.

Falarei então deste livro para emitir a minha opinião desvaliosa, é verdade, sobre quanto encontrareis em seu contexto, de grande, extraordinária valia, para conduzir seus leitores pelo caminho mais curto ao objetivo há milênios perseguido por todos: a iluminação espiritual.

Sou testemunha da preocupação e do esforço que tomaram conta do pensamento do bom Irmão Thomé durante os longos meses em que estudou e grafou os sessenta capítulos deste livro, com a finalidade precípua de despertar os corações dos seus leitores, que devem ser, se possível, todos os habitantes humanos do planeta, para o que pode vir a suceder aos que se conservarem à margem, do divino chamamento, como o que de bom, encantador, encontrarão quanto tiverem a ventura de ler e tomar a sério o que lhes veio dizer este elevado Espírito, um dos milhares de mensageiros de Jesus Nosso Senhor ao ambiente terreno.

Dizer mais do que aí fica é totalmente impossível, porque o luminoso Autor desta obra esmerou-se particularmente em dois objetivos: dizer o máximo que de bom e útil poderia dizê-lo ao coração de todos vós, irmãos encarnados, e dizê-lo com aquele poder de síntese que constitui particularidade característica dos grandes escritores que viveram na Terra.

Examinai este livro, capítulo por capítulo, e tentai dizer quanto aí se encontra em menor número de palavras e com aquele mesmo poder de lógica, e vereis como isso vos será difícil ou mesmo impossível.

Testemunhei igualmente, durante a preparação de cada um dos capítulos do livro, a humildade com que Thomé submetia o seu trabalho à apreciação de outros irmãos, como ele esclarecidos, rogando-lhes que o analisassem e criticassem no que pudessem, a fim de então, e só então, ir levá-lo à apreciação do Senhor Jesus para a necessária aprovação.

Vedes pelo que acabo de dizer, como se tornou importante para o Irmão Thomé o cumprimento da árdua tarefa de vir escrever na Terra o que julgou indispensável ao encaminhamento dos nossos irmãos encarnados, para alcançarem a desejada felicidade. E a troco de quê? Eu vos direi que a troco simplesmente do contentamento enorme que envolve os Espíritos de Deus ao verem coroados de êxito os esforços despendidos em benefício dos nossos semelhantes. Contou-me porém o bom Irmão Thomé, e isso se encontra grafado em seus livros, haver oferecido aos seus leitores toda a luz resultante deste esforço, assim eles se empenhem em pôr em prática seus conselhos. Esta mesma declaração ele a repetiu perante o Divino Mestre Jesus, que não apenas a louvou, mas ainda determinou que seja devidamente cumprido tão belo quão desprendido oferecimento do Irmão Thomé.

Grafando o presente Prefácio venho atender com satisfação inaudita ao pedido do querido Autor desta obra, juntando ao seu o meu pedido, para que a recebais como um verdadeiro presente de Nosso Senhor de Nazareth, que tanto deseja receber a todos vós, em condições tais de adiantamento espiritual, que não necessiteis de voltar à Terra na categoria de aprendizes, mas sim de instrutores, se ao Senhor desejardes servir como novos mensageiros Seus.

Atendendo, por conseguinte, ao pedido do Espírito de Thomé aqui renovo o apelo a todos vós em tal sentido, dizendo-vos de todo o coração, que não podeis fazer uma pálida idéia sequer da felicidade que no Alto aguarda a quantos souberem aproveitar seus dias de vida terrena para cuidarem só e só da luz espiritual que vieram buscar.

Termino aqui minha agradável tarefa de redigir este Prefácio ao segundo livro do Irmão Thomé, um Prefácio desvalioso, bem o sei, dada a minha modesta capacidade para tanto, mormente em se tratando de obra cuidadosamente elaborada por um dos maiores Espíritos que passaram pela Terra em diversas encarnações, e um dos mais dedicados Apóstolos do Senhor Jesus. Aqui me despeço de todos vós, irmãos muito estimados, com a promessa de tudo fazer ao meu alcance para que bem compreendais e pratiqueis quanto vos disse e ensinou esse valoroso Irmão Thomé.

Vosso dedicado servidor no Alto
ALEXANDRE HERCULANO