Passa já da hora o vosso despertar espiritual . . . Saiba que a tua verdadeira pátria é no mundo espiritual . . . Teu objetivo aqui é adquirir luzes e bênçãos para que possas iluminar teus caminhos quando deixares esta dimensão, ascender e não ficar em trevas neste mundo de ilusão . . .   Muita Paz Saúde Luz e Amor . . . meu irmão . . . minha irmã

quarta-feira, 2 de janeiro de 2013

1ª mensagem de ensinamentos espirituais - Livro: Nova Ordem de Jesus



Ditada pelo Apóstolo Thomé
Em 13-6-1970
Rio de Janeiro – Brasil

PALAVRAS DIRIGIDAS AO MUNDO – A TÁBUA DE SALVAÇÃO
– O SENHOR INSTALA-SE NA TERRA – TODOS OS HOMENS
E MULHERES SÃO ESPÍRITOS – A NOVA ORDEM DE
JESUS – NÃO SE TRATA DE NOVA RELIGIÃO – NÃO HÁ INFERNO,
PURGATÓRIO, NEM CÉU – CONVITE AS RELIGIÕES
TERRENAS

O QUE O MUNDO necessita de ouvir em meio à treva em que se encontra mergulhado, para que desperte e lute pela sua redenção espiritual antes que se faça tarde de mais, são as palavras que o Senhor Jesus do Alto lhe envia através desta e de outras Mensagens que se seguirão. O fim do século aproxima-se, e com ele uma série de modificações a abrangerem toda a vida terrena, com o fim de preparar a humanidade encarnada para o advento do próximo século. O Senhor Jesus cansou de esperar que as religiões disseminadas no mundo conseguissem despertar e conduzir as almas para a sua verdadeira meta espiritual, o que entretanto não foi conseguido até agora.

Apenas uma reduzida percentagem de almas tem conseguido elevar-se acima dos interesses materiais e estabelecer ligação com o coração do Senhor, segundo as observações que acabam de concluir-se no plano espiritual.

E como não haja mais do que o tempo necessário para uma ação imediata, o Senhor Jesus acaba de instalar neste plano terreno a Sua NOVA ORDEM destinada a congregar todas as almas encarnadas e conduzí-las ao destino que vieram tentar alcançar na sua presente vivência terrena.

O Senhor Jesus vem declarar ao coração de todos os homens e mulheres em condições de entender a Sua palavra, que a criação e instalação da Sua NOVA ORDEM representa, em última instância, a tábua de salvação para todas as almas que desejem agarrá-la em meio ao imenso oceano de perturbação em que ainda se encontram. O Senhor Jesus lamenta, profundamente, que ao término de vinte séculos de Sua vinda à Terra em corpo humano, aquelas mesmas almas que já na Terra se encontravam ainda permaneçam voltadas para os transitórios interesses materiais, desligadas do seu verdadeiro interesse espiritual, aquele pelo qual tem vindo à Terra inúmeras vezes. Eis, porém, que, com o término do presente século, tem de terminar também as oportunidades concedidas às almas presentemente encarnadas, para que concluam o seu aprendizado terreno, e se libertem da crosta mais ou menos densa que ainda envolve a grande maioria. É tempo de que os filhos e filhas que presentemente desfrutam uma nova encarnação, encontrem alguns momentos nas vinte e quatro horas do dia para se comunicarem com o Senhor Jesus, para dizer-Lhe que existem, e onde se encontram, nas diversas regiões do mundo.

O Senhor Jesus acaba de se instalar no solo terreno para dirigir Ele próprio a Sua NOVA ORDEM, dado que mais tempo não resta para que todas as almas se preparem para uma partida que não tem data prefixada. O Senhor Jesus vem dirigir em Espírito esta NOVA ORDEM, com o objetivo de convocar todos os homens e mulheres a olharem um pouco mais para dentro de si, para o seu “EU” espiritual, e menos para o seu exterior, que à Terra pertence e aqui terá de permanecer ao término de sua presente existência. O Senhor Jesus deseja dizer aos homens e mulheres que todos são Espíritos dirigindo o corpo de carne que
lhes permite permanecer no solo terreno, mas que ao fim todos tem de regressar ao mundo espiritual, de onde vieram pela milésima vez à Terra. Assim, pois, sabendo que todos são Espíritos transitoriamente encarnados, devem voltar seus pensamentos diariamente para o Alto, a fim de receberem as intuições e a inspiração de que necessitam, tanto ou mais do que o alimento para o corpo.

Sendo Espíritos encarnados, como realmente são, e sabendo que a existência terrena não vai além de poucas dezenas de anos, ao fim dos quais tem de largar na Terra o que a Terra pertence, nada mais aconselhável a esses filhos encarnados do que se voltarem para o Senhor Jesus, que os espera no Alto, quando o seu momento chegar.

A NOVA ORDEM DE JESUS tem, pois, a finalidade de trazer à todas as almas a palavra do Senhor, que é esta palavra que aqui está, ditada pelo Senhor Jesus ao mesmo tempo que o Senhor se instala no solo terreno com a finalidade de assistir e ajudar a todas as almas encarnadas. Por intermédio dos Seus emissários, o Senhor Jesus divulgou os conselhos que podem ajudar as almas de boa vontade a encontrar e seguir o caminho que mais rapidamente
as pode conduzir à meta que vieram alcançar na presente encarnação.

Vem agora o Senhor Jesus, Ele próprio, com Sua NOVA ORDEM, visando a decidir aqueles que ainda se conservam indiferentes ao divino chamado, já na undécima hora, porque mais tempo não há. Um dos passos aconselhados pelo Senhor em Sua NOVA ORDEM é o estabelecimento do princípio da fraternidade entre todas as almas encarnadas como se irmãos consangüíneos fossem, para que se reconheçam, ajudem é amem, e dessa maneira comecem a preparar o verdadeiro caminho do seu progresso espiritual.

A circunstância de uma criatura humana passar a considerar verdadeiros irmãos as demais criaturas, e neste pensamento as incluírem também nas suas orações diárias, já lhes acarreta um princípio de luminosidade que se instala definitivamente em seu Espírito. Como efeito deste princípio de luminosidade, os atos e pensamentos de tais criaturas passam a orientar-se no sentido da fraternidade, e de tal maneira, que em breve prazo essas criaturas passam a sentir-se tão felizes e tranqüilas em sua vivência terrena, que bendirão o sentimento de fraternidade que instalaram em seu coração. Suas almas alcançaram dessa maneira uma nova e maior penetração espiritual, recebendo em troca um volume de intuições e inspirações que lhes permite vencer obstáculos que antes lhes pareceriam intransponíveis.

Podereis perguntar, talvez, se o Senhor Jesus vem estabelecer na Terra uma nova religião através desta Sua NOVA ORDEM. Absolutamente, é a resposta à pergunta imaginária. O que o Senhor visa com a Sua NOVA ORDEM é colaborar com as numerosas religiões existentes, na espiritualização das almas encarnadas, um grande número das quais, por falta dos necessários esclarecimentos, ainda supõem que a vida terrena termina na sepultura e que
nada mais existe depois. É necessário, portanto, que as religiões existentes modifiquem seus ensinamentos a respeito, passando a ensinar aos seus adeptos que a vida do ser humano é eterna, infinita, e que o corpo é o único que morre, enquanto o Espírito retorna ao plano espiritual para continuar a viver a sua verdadeira vida. É mister que as religiões terrenas que desejarem cumprir esta missão perante a Divindade, separem definitivamente os interesses
materiais, humanos, dos interesses espirituais de seus adeptos, dizendo-lhes que não se vive uma só vez, mas inúmeras, havendo um fluxo constante de almas que baixam à Terra para uma nova vivência neste plano físico, e de outras que regressam ao mundo espiritual após cumprirem sua encarnação. É mister ensinar aos adeptos das religiões existentes que não basta entreter as criaturas moralmente ligadas à sua liturgia, mediante o cumprimento de determinados preceitos, mas ensinar-lhes a grande verdade de que a vida é infinita, e que todas as almas necessitam de voltar à Terra tantas vezes quantas forem necessárias à sua evolução espiritual. Dizer às criaturas adeptas desta ou daquela religião que a vida termina no túmulo, e que após só existem os três estágios: purgatório, céu e inferno como morada definitiva, é induzir em erro aqueles que lhes derem ouvidos, eliminando de suas mentes o mais belo de todos os preceitos que é a alegria de saberem que não se vive uma só vez e que aqui deverão voltar de século em século. Sendo a vida infinita, devem saber as almas encarnadas que quanto mais consigam pautar os seus atos na Terra pelo cunho de uma pura moral e elevado sentimento de amor ao semelhante, tanto mais rapidamente atingirão o nível evolutivo que vieram buscar em sua presente encarnação.

Não há inferno, purgatório nem céu. Há, isto sim, planos de maior ou menor luminosidade, segundo o grau evolutivo alcançado pelas almas que neles vivem. Há, portanto, estágios de vida no mundo espiritual, destinados às almas que mais ou menos se esforçaram em progredir moralmente em sua vida terrena. Isto deve ser ensinado e proclamado pelas religiões terrenas, com o que proporcionarão um grande bem aos seus adeptos.

A NOVA ORDEM DE JESUS, nesta sua primeira Mensagem convida os dirigentes das numerosas religiões terrenas a meditarem sobre o assunto, e em seguida reformarem os seus ensinamentos seculares, que muito pouco tem contribuído para a espiritualização das almas. Inscrevam, pois, as religiões terrenas o Espiritualismo em suas bandeiras, e verão como suas casas e templos de oração se enchem e superlotam de almas desejosas de ouvir tais ensinamentos. O Senhor Jesus dirige-se principalmente às religiões do Ocidente, onde menor tem sido o índice evolutivo das almas viventes. Os ensinamentos religiosos ministrados no mundo ocidental ressentem-se da ausência do caráter espiritual que deve presidí-los, do que resulta a carência de espiritualidade nos milhões de almas distribuídas por essas regiões.

Convida, então, o Senhor Jesus os responsáveis pela orientação religiosa do Ocidente, a reformarem suas práticas e ensinamentos, em beneficio da elevação espiritual dos seus adeptos. O Senhor sabe que semelhante tarefa se choca com o procedimento milenar de várias das religiões ocidentais, porém insiste no propósito em seu próprio benefício, antes que seus adeptos as abandonem pelas que melhor os ensinem. Aqueles que lhes faltarem com os necessários ensinamentos, para lhes dizerem que tudo termina na sepultura, e que depois tudo é uma incógnita, esses não tem condições de ensinar religiosidade, e terão de ser abandonados.

Esta é uma das verdades que a NOVA ORDEM DE JESUS vem ensinar aos homens e mulheres da Terra.