Passa já da hora o vosso despertar espiritual . . . Saiba que a tua verdadeira pátria é no mundo espiritual . . . Teu objetivo aqui é adquirir luzes e bênçãos para que possas iluminar teus caminhos quando deixares esta dimensão, ascender e não ficar em trevas neste mundo de ilusão . . .   Muita Paz Saúde Luz e Amor . . . meu irmão . . . minha irmã

sexta-feira, 14 de junho de 2013

90ª MENSAGEM DE ENSINAMENTOS ESPIRITUAIS - Livro: Nova Ordem de Jesus Vol II


Ditada pelo Apóstolo Thomé
Em 18-4-1971
Rio de Janeiro - Brasil

GRANDE MOVIMENTAÇÃO EM TODOS OS PLANETAS – EMIGRAÇÃO DE ALMAS EM MISSÃO DE ESTUDOS – VIDÊNCIA E AUDIÊNCIA: MANEIRA DE DESENVOLVÊ-LAS – AQUISIÇÃO DAS COISAS DESEJADAS – REALIZAÇÃO DE ASPIRAÇÕES AO ALCANCE DE TODOS

PROCESSA-SE NESTE  SÉCULO um movimento de renovação e transformação de vários planetas deste sistema solar, com a finalidade de apurar e reajustar as condições de vivência das almas encarnadas nesses planetas. A Terra não poderia furtar-se a movimento idêntico, em face da necessidade comprovada de receber em seu solo um volumoso número de almas necessitadas de reencarnar em busca de novas luzes e progresso espiritual.

Não é porém, um privilégio do mundo terreno o sentido de reajustamento do seu solo que se processa em diversas regiões, o mesmo se verificando  em outros planetas habitados. Uma verdade que o Senhor Jesus deseja transmitir aos afortunados leitores destas Mensagens, é que as populações de todos os planetas estão crescendo constantemente, em virtude do grande número de almas que vão completando o seu aprendizado em planetas de nível inferior, e já mereceram promoção a outros planos de vida mais adiantados. 

Assim, processa-se um movimento geral de almas em todo o sistema, cabendo à Terra receber as que lhe venham destinadas como novos alunos de primeiras letras, enquanto alguns milhares de seus antigos habitantes, concluindo na Terra o seu aprimoramento, seguirão em busca de maior progresso espiritual em mundos mais adiantados.

Não penseis, porém, estimados leitores, que as almas evoluídas na Terra que seguirem a outros planetas mais adiantados, por lá ficarão para sempre, despedindo-se de seus amigos terrenos. Não, estimados leitores. Isto já vem acontecendo há milênios com a finalidade de trazer novos adiantamentos para a Terra. Em regra, as almas que na Terra alcançarem o nível máximo de conhecimentos e são encaminhadas pelo Senhor Jesus a planetas mais adiantados, levam consigo a missão de estudar os melhoramentos por lá existentes, e ao fim de alguns séculos de estágio, regressam à Terra para aqui implantarem aqueles melhoramentos. 

No século XX reencarnaram na Terra para mais de dez mil almas em tais condições, às quais se devem diversos adiantamentos já em pleno vigor. Convém que saibais também, estimados leitores, que todas as almas enviadas pelo Senhor Jesus a estagiar noutros planetas, fazem ao Senhor um pedido de todo o coração: poderem regressar ao ciclo terreno quando o Senhor achar que podem regressar, declarando não desejarem outro chefe espiritual que não seja o Senhor Jesus.

O Senhor recebe com emoção este pedido e assegura a todas as almas que o mesmo ser-lhes-á atendido. Muitas e muitas almas altamente evoluídas que tiveram oportunidade de estagiar noutros planetas já regressaram ao ciclo terreno e nele se encontram, seja na qualidade de assessores e conselheiros do Senhor Jesus, ou seja como Seus missionários no solo terreno.

Este fato tem produzido a implantação na Terra de muitos melhoramentos que conheceis, tornando a vida terrena cada dia menos onerosa em dificuldades e sofrimentos. Dentro de mais alguns séculos isto fará com que a vivência das almas na Terra se constitua num autêntico paraíso, no sentido em que tomais esta expressão. Nesse largo período que se aproxima, todas as pessoas na Terra gozarão do privilégio de se comunicarem verbalmente com as almas desencarnadas, sobretudo com as que pertenceram ao respectivo círculo familiar, com os Guias e Protetores espirituais.

O Senhor Jesus deseja esclarecer os seus estimados leitores que muitos deles podem antecipar já para o presente século os privilégios anunciados linhas acima, se os mesmos se esforçarem em tal sentido. Possuindo todas as almas encarnadas em estado latente as faculdades que lhes permitirão ver e falar às almas do mundo invisível, bastará se entregarem a exercícios neste sentido para realizarem aquilo que um regular número de pessoas já conseguiram e praticam. O dom da vidência e da audiência existe em todas as pessoas em duas pequenas glândulas localizadas nas imediações do cerebelo, e podem ser desenvolvidas e postas a funcionar com um pouco de exercícios mentais. 

Estes exercícios podem ser feitos durante os minutos de meditação com real proveito para quem os fizer. Bastará ao homem como à mulher em estado de meditação, procurar relaxar os músculos e nesse estado concentrar suas vibrações nas duas pequenas glândulas, imaginando tratar-se de duas delicadas plantas que estarão ajudando a crescer. A concentração vibratória diária sobre as duas pequenas glândulas produzirá o efeito de ajudá-las no seu desenvolvimento, o que efetivamente se verificará. 

Se bem não seja o mesmo o progresso alcançado por todas as pessoas, o fato é que a maioria sentirá o desenvolvimento destas duas glândulas num período de dois a três meses de constante exercício, passando ao pleno uso daquelas duas faculdades. Desnecessário será acrescentar que as condições de vida moral dos candidatos à vidência e audiência muito influirão no seu desenvolvimento.

Sendo este auxiliado por Entidades altamente evoluídas dos planos invisíveis, não lhes será agradável colaborar neste sentido com criaturas de caráter fraco ou de baixa moral. É preciso ter-se sempre em mente que as coisas do Alto requerem daqueles que desejarem utilizá-las na Terra, uma vida limpa e o maior grau de pureza que permitam a aproximação dos emissários do Senhor. Tudo o mais dependerá do esforço e determinações de cada um.

O Senhor Jesus deseja ministrar através desta Mensagem alguns importantes esclarecimentos novos aos seus estimados leitores, mediante os quais todos hão de sentir a vida correr-lhes mais fácil em meio aos percalços naturais à que todos estão sujeitos. Deseja o Senhor esclarecer aos leitores que todos possuem dentro de si os meios de poderem realizar quanto desejem, desde que sigam para isso o método adequado. Esse método consiste em o homem como a mulher que desejarem realizar algo que lhes pareça difícil, firmarem nesse algo o seu pensamento durante alguns minutos diariamente. Inicialmente devem formar a imagem do que aspiram realizar, assim como uma pintura da coisa desejada.

Esta será a fase de sua criação mental, cuja pintura deve ser reforçada diariamente com a emissão de novas vibrações mentais. Dentro de poucos dias a pintura mental tornar-se-á tão nítida como se estivesse feita numa folha de papel. Nesta altura, feita a criação mental da coisa desejada, é só alimentar a imagem com as vibrações mentais irradiadas diariamente, com o pensamento de que a imagem existente no plano mental deverá estar em suas mãos numa questão de dias ou horas. A irradiação desta convicção apressará a materialização daquilo que constitui a aspiração da criatura. Com a mentalização continuada da pintura que constitui a coisa desejada, o seu peso crescerá na mesma proporção até que, excedendo a resistência do plano mental, o objeto mentalizado romperá o plano fluídico onde se encontra, e eis que o mesmo se materializará perante a criatura que o imaginou. 

Daí se infere que muitas pessoas não conseguem realizar pequenas ou grandes aspirações, pela única razão de não saberem como operá-las. Existe uma lei mental neste sentido, a qual ficou mais ou menos exposta nas linhas acima. Todo aquele por conseguinte, que se dispuser a operar esta lei mental, de certo verá realizadas as suas aspirações. A lei mental das realizações materiais tanto pode ser operada para uma melhoria de situação de trabalho, para obtenção de residência própria, para encaminhamento dos filhos, como, enfim, para quanto possa constituir aspirações das almas encarnadas.

Façam os leitores as suas experiências e terão a prova da realidade. Cabe aqui, porém, uma advertência a todas as criaturas que se dispuserem a operar a lei mental das realizações materiais. É necessário meditar previamente sobre se o objeto ou situação desejados não lhes trarão inconvenientes futuros por não serem justos ou razoáveis. Não é justo, por exemplo, tentar atrair para si o que a outro pertença, porque poderia, à roda da vida, vir a causar possível sofrimento ou desgosto. Tenha-se sempre em vista, por conseguinte, usar a lei mental somente para atrair bens realmente necessários ao conforto e bem estar de cada um, ou a melhoria de situação de trabalho ou remuneração, porque o funcionamento da lei será ainda apressado pela justeza do pedido.

Muitas criaturas humanas atravessam existências carecentes de um mínimo de conforto e bem-estar, pelo desconhecimento desta lei mental. Julga por isto o Senhor Jesus do maior interesse dos seus leitores ministrar-lhes este esclarecimento para que possam todos preparar-se para adquirir tudo quanto possa constituir suas aspirações mais íntimas. Com o tempo os fatos tornar-se-ão conhecidos de todos, e aqueles que hoje passam privações materiais, poderão adquirir o conforto a que têm direito.

É erro pensar alguém que a Divina Providência envia almas à Terra destinadas à posse do maior conforto material, e outras a viverem uma vida de privações. É erro pensar que isto aconteça. A diferença existe exclusivamente no grau de conhecimentos e patrimônio mental, de cada uma. Aquelas que dispõem de maiores conhecimentos e os põem em ação, certo é que constroem melhor situação na vida material, enquanto aquelas que pouco ou nada sabem, vivem no desconforto ou carecentes de tudo. 

Apliquem, então, a lei mental, para tudo quanto necessitarem, e verão o resultado.